Conecte-se conosco

Esportes

São Paulo elimina Palmeiras nos pênaltis

O time do Morumbi não chegava a uma decisão de Estadual desde 2003

Palmeiras e São Paulo fizeram um jogo quente e com muitas disputas físicas no Allianz Parque | Imagem: Alan Morici/Agif

Publicados

em

O São Paulo se classificou para a final do Campeonato Paulista após eliminar o Palmeiras na decisão por pênaltis hoje, no Allianz Parque, após repetir o resultado do primeiro jogo no “tempo normal” e empatar sem gols com o rival. Nas penalidades, os são-paulinos venceram por 5 a 4. O time do Morumbi não chegava a uma decisão de Estadual desde 2003.

O clássico foi bastante movimentado, com chances desperdiçadas, gols anulados e, principalmente, com diversos momentos “quentes”. Jogadores de Palmeiras e São Paulo protagonizaram discussões e muitos empurrões entre eles.

O adversário do São Paulo sai do confronto entre Santos e Corinthians amanhã, às 20h (de Brasília), no estádio do Pacaembu. O time de Parque São Jorge tem a vantagem do empate pois venceu o jogo de ida por 2 a 1, em Itaquera.

O melhor: Clássico tem “Luans” inspirados

Como os atacantes não decidiram o clássico, os dois “Luans” se destacaram no sistema defensivo. Tanto o Luan, do Palmeiras, como o Luan, do São Paulo, ganharam a maioria das jogadas individuais e até “salvaram” suas equipes da derrota no “tempo normal” com intervenções precisas. O palmeirense ainda fez o dele na decisão por pênaltis.

O pior: Scarpa apagado é substituído

O meia Scarpa teve atuação bastante apagada no clássico. O palmeirense estava em um ritmo bem diferente dos demais atletas. Em jogo quente, ele demonstrou pouco brio e ainda errou muito quando pegava na bola, inclusive, passes curtos em armação de jogadas. Foi substituído por Zé Rafael.

Jogo quente e com muitos embates

O jogo foi bastante nervoso entre Palmeiras e São Paulo. Foram diversas discussões e troca de empurrões, além das “famosas” ameaças de brigas. Os embates entre palmeirenses e são-paulinos se resumiram a Gustavo Gómez x Igor Gomes e Hudson, depois Hudson x Bruno Henrique, além de Felipe Mello x Reinaldo – neste caso até o VAR foi acionado para ver se houve agressão, mas não confirmada pelo árbitro de vídeo. O meia-atacante Ricardo Goulart também esquentou o jogo em discussões com Everton e com a arbitragem.

Fonte: UOL

Continue lendo
Propaganda

Esportes

Fla vence o Vasco no 1° jogo da final carioca

Bruno Henrique poderia ter sentido o momento ao ter o gol anulado.

Publicados

em

De

Foto/Armando Paiva/ Agência O Dia

O Flamengo venceu o Vasco por 2 a 0 neste domingo, no Nilton Santos, e abriu boa vantagem na final do Campeonato Carioca. O resultado deve muito à grande atuação de Bruno Henrique, que marcou duas vezes e foi o principal jogador em campo. 

No próximo domingo o Flamengo poderá até perder por um gol de diferença que ficará com o titulo. Caso o Vasco vença por dois gols, o campeonato será decidido nos pênaltis. O melhor: Bruno Henrique Arrascaeta teve grande atuação, não há como negar. Os dois gols marcados por Bruno Henrique, no entanto, foram decisivos para ter o status de melhor em campo. 

O lateral do Vasco tem feito bons jogos, mas hoje não foi um deles. Ele falhou no primeiro gol de Bruno Henrique e deixou o time em situação delicada em campo. Abel barra Diego, e Arrascaeta corresponde O técnico do Flamengo, Abel Braga, finalmente deu o braço a torcer e colocou Arrascaeta no time titular mesmo com todas as peças à disposição. Pior para Diego, que parou no banco de reservas. O uruguaio fez sua parte e mostrou bom futebol. Participativo, ele procurava dar velocidade e tornar o jogo mais dinâmico. 

Assista aos melhores momentos da partida:

O Vasco, por outro lado, tinha como objetivo segurar o Flamengo. Se os primeiros minutos foram de toques de bola rápido e de futebol convincente, o Cruzmaltino tratou de equilibrar o duelo e manter o jogo preso no meio de campo. Fora uma chance com, Pikachu, a partida ficou bem feia e sem emoção. Maxi aparece em contra-ataque Sumido do jogo, Maxi López mostrava estar melhor fisicamente. O argentino deu alguns piques em campo que não ocorriam há poucos dias. 

Apesar da melhora, o atacante não teve grandes participações no primeiro tempo. Ele apareceu bem em um contra-ataque que terminou nas mãos de Diego Alves.  Após levar alguns sustos do Vasco, o Flamengo finalmente acordou no fim do primeiro tempo. Assim como ocorreu no início, o time conseguiu trocar passes e chegar ao gol de Fernando Miguel. Em alguns momentos o gol ficou próximo, mas nada ocorreu antes do intervalo. 

Bruno Henrique foi novamente um dos grandes personagens do clássico. Ele levou um cartão amarelo e ficará de fora da finalíssima. O atacante, então, decidiu colocar seu nome na história da final e abriu o placar. Danilo Barcelos afastou mal e a bola sobrou para o rubro-negro chutar para o fundo das redes: 1 a 0. 


Armando Paiva/ Agência O Dia

VAR anula gol do Fla e tem pane elétrica 

Aos 25min do primeiro tempo, Bruno Henrique viu a bola sobrar na sua frente, limpa. O atacante mandou para dentro do gol e saiu para comemorar seu segundo gol na partida. O lance, no entanto, foi anulado pela arbitragem, que utilizou o VAR e apontou impedimento do rubro-negro no lance. Curiosamente, minutos depois a cabine do VAR sofreu uma pane elétrica e parou de funcionar. 

Bruno Henrique poderia ter sentido o momento ao ter o gol anulado. Mas ocorreu justamente o contrário. O atacante não deixou a peteca cair e marcou o segundo dele e do Fla na sequência. Ele aproveitou bobeada na zaga e finalizou firme para vencer Fernando Miguel: 2 a 0.

Fonte: UOL

Continue lendo

Esportes

CBF define confrontos da quarta fase da Copa do Brasil

Santos e Vasco, dois campeões do torneio, fazem o duelo mais equilibrado desta etapa, que garante vaga nas oitavas.

Publicados

em

De

Foto/Crédito Divulgação

A Confederação Brasileira de Futebol, a CBF, sorteou nesta sexta-feira (12) os confrontos da quarta fase da Copa do Brasil. Os jogos serão disputados nas duas próximas semanas.

O duelo de destaque nesta etapa do torneio será entre Santos e Vasco. Nos outros confrontos, a Chapecoense terá pela frente o Corinthians. O Fluminense encara o Santa Cruz e o Bahia terá pela frente o Londrina. O Juventude é o único clube que ainda não conhece seu adversário, que sai da partida entre Bragantino, do Pará, ou Vila Nova.

Os times tentam uma das cinco vagas para as oitavas de final, onde entram os times que se classificaram para a Libertadores, os campeões da Série B, da Copa do Nordeste e da Copa Verde.

Os mandos de campo também foram conhecidos neste sorteio. Santos, Fluminense, Chapecoense, Bahia e Juventude abrem seus confrontos em casa. Dessa forma, Vasco, Santa Cruz, Corinthians, Londrina e Bragantino do Pará ou Vila Nova decidem a vaga diante de seu torcedor.

Repórter Cintia Moreira | Agência do Rádio Mais

Continue lendo

Esportes

Daniel Alves pode voltar para o Campeonato Espanhol

Sevilla pode ser o próximo time do jogador

Publicados

em

De

Ainda sem uma definição sobre a renovação de contrato com o Paris Saint-Germain, o lateral-direito brasileiro Daniel Alves pode retornar ao futebol espanhol na próxima temporada. De acordo com o ‘L’Equipe’, o Sevilla pode ser o próximo time do jogador. Ainda segundo informações do jornal, o clube espanhol já teria iniciado conversas para uma possível volta de Dani Alves ao Ramón Sanchéz Pizjuán. 

Fonte: Gazeta Esportiva

Continue lendo