Conecte-se conosco

Tecnologias

Novo beta do WhatsApp traz mudanças de navegação e promete bloqueio de prints

Foto/Crédito Divulgação

Publicados

em

A próxima versão beta do WhatsApp, submetida para o programa de testes da Play Store (Android), traz algumas melhorias na interface de usuário, além de uma promessa que pode ajudar ou complicar muita gente. Segundo informações do WABetaInfo, a versão 2.19.106 do beta deve ganhar, nas próximas semanas, um recurso de autenticação que abre o app de mensagens por meio da impressão digital — a custo de travar permanentemente a possibilidade de “printar” conversas.

Primeiramente, vamos ao que a nova versão já tem: se você for um membro do programa de testes beta do WhatsApp no Android (é possível se inscrever pela própria página do app na loja da Google), a versão 2.19.106 altera alguns recusos de navegação: stickers e emojis, por exemplo, serão exibidos em duas abas vizinhas, com design de apresentação similar aos adesivos do Instagram (o recurso vem sendo chamado de “WhatsApp Doodle”), conforme a imagem abaixo:

Nova apresentação das abas de stickers e emoji, em novo beta do WhatsApp (Imagem: Reprodução/WABetaInfo)

Repare que, dentro da aba de stickers, será possível ver as categorias de adesivos favoritos, bem como determinar aqueles terceirizados e aqueles padronizados oficialmente no aplicativo. Mais além, essa reformulação traz novos usos para os adesivos: para começar, há uma aba de busca por eles, e agora é possível “colá-los” em imagens compartilhadas, tal qual se vê nos stories do Facebook e Instagram.

Agora, sobre a promessa: a função de “Autenticação” é a que traz novas formas de proteger o usuário do WhatsApp. Acionável pelo menu de configurações, esse recurso permitirá que o app seja aberto e fechado de maneira independente da UI do Android, exigindo a impressão digital do proprietário para destravá-lo.

A ativação desse recurso, porém, automaticamente vai travar qualquer possibilidade de tirar uma screenshot (o famoso “printar a tela”) da janela de conversa. O WhatsApp não esclareceu os motivos para inserir essa parte da função, mas especulamos que tenha algo a ver com proteger usuários que printem imagens dos stories, por exemplo, ou ainda aqueles que consigam prender uma imagem em um print mesmo que o usuário que a enviou delete a mensagem em seguida.

Contudo, isso pode abrir um panorama perigoso: prints também são usados para a defesa de acusações infundadas, servindo até mesmo como prova pela justiça brasileira. Não é certo o impacto que isso pode trazer a casos do tipo, entretanto a capacidade desse tipo de registro pode ser recuperada se o recurso de autenticação pela digital for desativado.

A nova versão do beta já se encontra disponível para download, mas algumas funções estão sendo liberadas gradualmente.

(WABetaInfo)

Francisco das Chagas Fernandes de Souza, 35 anos, servidor público (Gari), conhecido como Chaguinha Net. Em 2011 criou o Blog do Chaguinha Net e em 2018 foi além e criou o Portal Potengi News, possibilitando para a Região do Potengi um espaço virtual de qualidade e credibilidade. Aqui você pode conferir as principais notícias da Região Potengi, Rio Grande do Norte, Brasil e do Mundo.

Continue lendo
Propaganda

Tecnologias

Plano Estratégico da Anatel atualizado promove foco na banda larga

Publicados

em

Foto/Crédito Divulgação

Plano Estratégico da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) para o período 2015-2024 foi atualizado pelo Conselho Diretor. Com a mudança, o instrumento promove, por meio de metas objetivas, maior clareza da estratégia da Agência para os próximos anos.

O Plano Estratégico 2015-2024 atualizado possui um alinhamento com o Plano Plurianual da União (PPA) para o período de 2020 a 2023 e com as políticas públicas setoriais, no sentido de ampliar o acesso à internet em banda larga para os domicílios brasileiros de 74,68% para 91,00% ao final de 2023.

Destaca-se o foco na expansão da banda larga, a partir de um ambiente competitivo e adequado para a ampliação do acesso, refletido em indicadores e metas claras estabelecidos para os próximos anos. Desta forma, permite à Anatel aprimorar suas táticas diretamente associadas ao alcance de sua visão estratégica: ser uma instituição de excelência que promove um ambiente favorável para as comunicações no Brasil, em benefício da sociedade brasileira.

O Plano Estratégico 2015-2024 conta com sete metas para o final de 2023, associados a dois objetivos estratégicos:

Objetivo estratégico – Promover a ampliação do acesso e o uso dos serviços, com qualidade e preços adequados. Metas:

1.Ampliar a cobertura com rede de transporte – backhaul de fibra óptica – de 4.012 para 4.883 munícipios;
2.Aumentar a velocidade média contratada da banda larga fixa de 45 Mbps para 150 Mbps;
3.Ampliar o percentual da população coberta com serviço de banda larga móvel de 97,30% para 98,65%;
4.Ampliar o percentual de domicílios com banda larga em área rural de 44,00% para 73,04%; e
5.Aumentar a densidade de banda larga fixa de 46,80% para 57,00%.

Objetivo estratégico – Estimular a competição e a sustentabilidade do setor. Metas:

6.Manter o grau de concentração de mercado (HHI) na telefonia móvel abaixo de 0,3594; e
7.Manter o grau de concentração de mercado (HHI) na Banda Larga Fixa abaixo de 0,1500.


Em suma, pode-se dizer que o propósito deste trabalho visa estabelecer um conjunto de metas propostas, baseadas em padrões internacionais e no cenário brasileiro, que seja capaz de mensurar objetivos de resultado, além de orientar as informações que serão tratadas para tomadas de decisão nos processos da Anatel.

Fonte: Anatel

Continue lendo

Tecnologias

Receita lança aplicativo CPF Digital

Publicados

em

Foto/Crédito Divulgação

Um dos documentos mais requeridos dos brasileiros agora está disponível na tela do dispositivo móvel. A Receita Federal e o Serviço Federal de Processamento de Dados (Serpro) lançaram o aplicativo CPF Digital.

O aplicativo pode ser baixado na Google Play (para dispositivos do sistema Android) e na App Store (para dispositivos com sistema iOS). O app também traz um chat de inteligência artificial que tira dúvidas sobre o preenchimento da Declaração do Imposto de Renda Pessoa Física 2020 (IRPF).

Com o CPF Digital, o usuário pode exibir, na tela do celular ou do tablet, o cartão do CPF. O aplicativo também envia notificações da Receita Federal. Em relação ao recurso de atendimento virtual interativo, a ferramenta também permite a consulta à restituição e informa sobre prazo de entrega da declaração, multa por atraso no envio do documento e presta esclarecimentos sobre situações individuais, declaração em conjunto, carnê leão e isenção para pessoas com doenças graves.

Segundo a Receita Federal, o Cadastro de Pessoa Física (CPF) é central para a digitalização dos serviços públicos. Em março do ano passado, o Decreto 9.723 tornou o número de CPF instrumento suficiente e substitutivo da apresentação de outros documentos do cidadão no exercício de obrigações e direitos ou na obtenção de benefícios.

A Receita informou que pretende desenvolver atualizações que ampliem o recurso de atendimento virtual para outros serviços além do Imposto de Renda. A ampliação tem como objetivo diminuir os atendimentos presenciais nas unidades do órgão durante a pandemia de coronavírus, de modo a tornar o CPF Digital a porta de acesso para os principais serviços públicos.

Edição: Lílian Beraldo

Continue lendo

Tecnologias

Confira a lista dos smartphones mais vendidos no mundo no primeiro trimestre de 2020

Apple, Xiaomi e Samsung são as líderes do mercado.

Publicados

em

Foto/Crédito Divulgação

Com o crescimento de pessoas trabalhando em modelo home office nos últimos meses, os aparelhos eletrônicos, como notebooks e celulares, ganharam ainda mais importância no dia a dia da população. A tecnologia avançou de maneira tão intensa que alguns smartphones já podem ser comparados a computadores por possuírem um bom poder de processamento, acesso à internet, aplicativos e programas para reprodução de músicas e vídeos, entre outras funções.

Com o crescimento desse mercado, estão disponíveis várias marcas diferentes para o consumidor, que diferem de preço, design e até sistema operacional. Entre os dez modelos de celulares mais vendidos no primeiro trimestre de 2020, de acordo com a lista divulgada pela consultoria Canalys, é possível encontrar opções para quase todos os tipos de consumidor. Apesar da empresa Apple estar em primeiro lugar, é a sul-coreana Samsung que aparece mais vezes na lista.

Além do iPhone 11, em primeiro lugar, a Apple conta com outros dois modelos entre os mais vendidos do primeiro trimestre: o iPhone 11 Pro Max, em sexto lugar, e o iPhone 11 Pro, em décimo. Já a Xiaomi, empresa chinesa que mais vendeu celulares Android no período, aparece em segundo lugar com o modelo Redmi Note 8 e 8T, tendo o Redmi Note 8 Pro em quinto lugar e o Redmi 8A em nono. Por fim, a última empresa que aparece na lista é a Samsung, com o maior número de modelos, sendo Galaxy A51 em terceiro, Galaxy A10s em quarto, Galaxy A20s em sétimo e Galaxy A01 em oitavo.

Apesar da pouca variedade de empresas, é possível encontrar modelos mais sofisticados, como o iPhone 11, até os mais simples, como os populares da Samsung, que apresentou maior número de vendas em modelos básicos, acessíveis para o público que procura um bom celular, mas sem uma grande quantidade de acessórios extras. Por sua vez, os números da Xiaomi mostram o crescimento da participação da marca no mercado mundial, com destaque para a Europa, tornando-se a principal fornecedora de smartphones na Espanha.
Após adquirir um celular novo, é sempre importante tomar algum cuidado para aumentar a durabilidade do aparelho. Usar película e capinha de proteção, por exemplo, é essencial para proteger o aparelho de quedas e riscos. Outra medida importante é contratar um serviço de seguro. Muitas opções, como seguros para Samsung, cobrem acidentes domésticos comuns, como oxidação causada por líquidos, além de roubo ou furto.  

Continue lendo

Destaques